17 de agosto de 2018

A Bela e a Fera - Elizabeth Rudnick (Disney)

Tempo de leitura:
(Título Original: Beauty and the Beast
Tradutora: Cely Couto
Editora: Universo dos Livros
Edição de: 2017)


Sentimentos são fáceis de mudar
mesmo entre quem não vê que
alguém pode ser seu par...

Bela deseja para sua vida muito mais do que a pequena cidade provinciana de Villeneuve pode oferecer. Lá, ela se destaca da multidão com um ponto de vista único, uma independência vigorosa e um notável amor pelos livros. Ela anseia por viagens e aventuras, por uma vida tão empolgante quanto as histórias que lê, mas, quando seu amado pai é aprisionado por uma fera em um castelo encantado, o destino de Bela muda para sempre. 

Ao arriscar sua liberdade e futuro, ela assume o lugar do pai, jurando-lhe que escaparia em segredo. No entanto, conforme aprende mais sobre a Fera e seu misterioso castelo, Bela descobre que pode haver mais sobre a história dele - e sobre a sua própria - do que ela jamais poderia ter imaginado.



Palavras de uma leitora...



- Como vocês certamente sabem se leram o post Minhas leituras atuais, não estava nos meus planos ler o livro oficial do filme da Dsiney A Bela e a Fera, protagonizado pela Emma Watson nos cinemas. Todavia, minha irmã comprou o box e eu peguei emprestado (sem pedir) e comecei a ler o livro logo no dia seguinte. Foi impossível resistir, vez que se tratava do meu segundo conto de fadas favorito (perdendo apenas para Cinderela).

Logo que iniciei a leitura percebi que se tornaria um dos meus livros queridos da vida! Eu podia já conhecer a história, ter lido o conto, ter visto o filme nos dois formatos, mas nada se compara à experiência de lê-lo em forma de um romance de 204 páginas. Foi mágico! Era tudo como o filme, mas ao mesmo tempo existiam detalhes que apenas compreendemos lendo. Tinha o passado da Fera, o que o tornou o príncipe mimado e egoísta que ele era antes da maldição. Os sentimentos da Bela começando em seu interior, como ela se sentia, o que pensava disso... As conversas sobre livros... Tudo era muito melhor no livro. Eu viajava dentro dessas páginas... ia para um outro mundo. Cheio de magia e amor. De amizade. De recomeço e esperança.

"Os servos deixaram escapar um suspiro coletivo quando as portas se fecharam atrás do príncipe. Pelas horas seguintes, eles poderiam relaxar fora do alcance de seu amo cruel, mimado e grosseiro."

Era uma vez um belo príncipe, que vivia num luxuoso castelo e não se importava com nada nem ninguém além de si mesmo. Ele amava festas e somente aqueles que possuíssem uma consideração beleza mereciam a honra de um convite. A imperfeição jamais era bem-vinda. Gostava de estar rodeado de pessoas como ele e se aturava gente inferior é porque necessitava de alguém para limpar e organizar sua propriedade. Jamais demonstrava sentimentos. E se sorria geralmente era com sarcasmo. Nunca dava um sorriso sincero, feliz

Naquela festa em particular alguém que não fazia parte da lista de convidados teve a ousadia de entrar. Era uma senhora idosa, mendiga, que pediu abrigo da tempestade terrível que se desencadeava do lado de fora. Só por uma noite, ela suplicou. Do lado de fora o frio era cortante. E dentro do castelo, mesmo nos cômodos mais velhos, esquecidos pelo seu proprietário, existia um espaço para ela. Onde ninguém sequer a notaria. Mas o príncipe não se importou. Não tinha piedade. 

"- Você não entende, sua velha? Este é um lugar para a beleza. - A voz dele era fria. - Você é feia demais para o meu castelo. Para o meu mundo. Para mim."

- Só que as aparências podem enganar... Ao perceber que o coração do príncipe não amoleceria, a velha tão humilde resolveu mostrar quem verdadeiramente era. Uma feiticeira belíssima que o havia submetido a um teste no qual ele não passou. E como tudo gera consequência... ele pagaria muito caro pelo seu erro. Pela sua falta de compaixão. De que adiantava ser um ser humano se não possuía humanidade? Talvez fosse melhor consertar as coisas... 

"Eles observavam chocados a transformação do príncipe se completar. Onde antes se erguia um belo homem, agora se acovardava uma fera horrível."

A feiticeira amaldiçoou não só o príncipe, mas os outros habitantes do castelo, transformando-os em objetos e fazendo todos serem esquecidos pelo povoado. Vivendo um eterno inverno, um ciclo de sofrimento que só teria fim se a Fera que agora existia no lugar do homem aprendesse a amar e conquistasse o coração dessa pessoa. Caso contrário, a maldição se completaria e ele seria uma Fera pelo resto de sua vida. 

"Os dias viraram anos, e o príncipe e seus servos foram esquecidos pelo mundo até que, enfim, o castelo encantado foi isolado e trancafiado em um inverno perpétuo. A feiticeira apagou a memória da existência daquele lugar e dos que viviam nele, até mesmo das mentes das pessoas que os amavam."

Do outro lado dessa história temos Bela, uma jovem a frente do seu tempo, apaixonada pelos livros e que sonha em viver num lugar diferente e distante da monotonia daquele pequeno povoado onde morava há tantos anos, mas seguia sendo vista como uma forasteira, uma pessoa indesejada, que não se encaixava. Por mais que tentasse sorrir e ignorar os olhares e comentários seu coração doía. Ali ela não tinha nenhum amigo além do padre Robert, que sempre lhe emprestava um livro novo... embora na verdade ela já tivesse lido toda a biblioteca dele e não tivesse mais nada diferente para ler, tendo que se contentar em reler suas histórias preferidas. Sua única família era seu querido pai, um homem um tanto distraído, mas que a amava com todo o coração. 

Naquele ano, como em todos os outros, seu pai viajaria para vender as caixinhas de música que fazia. Bela se sentia muito solitária nesses momentos, mas ele sempre se recusava a levá-la. Porque, segundo ele, Bela estaria mais protegida ali, em seu lar. E como era costume o pai perguntaria o que ela desejava e ela responderia que queria que lhe trouxesse uma rosa. Só que, daquela vez, as coisas correriam mal. 

Após sobreviver quase por um milagre ao ser atacado por lobos, Maurice, o pai de Bela, acaba encontrando um castelo no meio da floresta... um lugar que ele sequer imaginava que existia. Tudo parecia aconchegante no início, embora um tanto estranho. Mas quando percebeu que o local parecia estar "vivo" ele se assustou e resolveu fugir. No caminho viu as rosas e lembrando-se do pedido de sua filha arrancou uma delas. Foi quando ouviu o rugido. 

Quando o cavalo de seu pai retornou sem ele, Bela entrou em desespero. Sabendo que somente o animal saberia o que havia acontecido, ela o montou e saiu em disparada, deixando-se levar por ele. Ao descobrir que seu pai estava sendo mantido prisioneiro no castelo por uma Fera terrível, ela não hesitou em trocar a sua vida pela dele. 

"Enquanto Maurice ficou obviamente devastado, a Fera parecia confusa. 
- Você tomou o lugar dele? - a Fera perguntou a Bela. - Por quê?
- Ele é meu pai - respondeu ela sem hesitar."

E é a partir daí que nossa história começa...

- Nem sei o que mais eu poderia falar!kkkkkkkkk... Amei tanto!!! E que livro maravilhoso! A autora soube adaptar muito bem a história, fazendo transbordar das páginas toda a magia, todo o amor e a cumplicidade que fazem desse conto tão querido. E sabermos o que tornou o príncipe o homem amargo e insensível que ele era é um diferencial incrível. No livro eu me senti mais tocada, sabe? Quando é narrado o passado dele nós nos emocionamos, conseguimos imaginar a criança que ele tinha sido... e tudo o que perdeu. Acho que no filme também tem a mesma cena (não me recordo), mas no livro é mais real, mais tocante. 

E a maneira como a relação entre a Bela e a Fera se constrói é linda! Claro que no princípio eles se detestavam. A Fera só vivia de mau humor, por motivos óbvios.rs Estava amaldiçoado, seu tempo estava acabando e em vez de procurar amar alguém e ser amado ele já dava por certo que as últimas pétalas da rosa cairiam e ele seguiria daquela forma para sempre. Para que lutar?! Bela também possuía seus motivos para estar furiosa e nem um pouco disposta a tratá-lo bem. Era uma prisioneira naquele lugar. E tudo o que queria era fugir. Só que nem tudo pode ser como desejamos... e uma série de acontecimentos farão com que eles percebam que têm mais em comum do que podem imaginar... e que um sentimento belo pode sim surgir no meio de tudo o que estava errado. 

"Ao fechar a porta, deu uma última olhada na rosa. Enquanto observava, outra pétala caiu. Ela desejou que houvesse algo que pudesse fazer pelas pobres almas ali aprisionadas. Mas parecia uma causa perdida, tão impossível quanto voltar no tempo."

- Bela é uma mocinha maravilhosa! Além de ser uma apaixonada por livros (o que a faz ganhar muitos pontos comigo!kkkkkkkkk...) ela é um ser humano incrível. Bondosa, mas não boba. Carinhosa, mas que tem sua personalidade e sabe explodir quando a outra pessoa merece. Ela não se apaixona pelo lado ruim da Fera. Enquanto ele agia mal apenas a afastava. É somente quando enxerga quem ele verdadeiramente era e tentava esconder que as coisas mudam entre eles. E ela se apaixona. Quando ele muda é que obtém o interesse dela. Ele precisou abrir o próprio coração para conquistar o amor dela. E amar significa deixar a pessoa ir... Porque amor e prisão não combinam. Quando o sentimento é verdadeiro só queremos a felicidade da outra pessoa mesmo que não seja ao nosso lado. Algo que a Fera compreende e por isso abre mão de si mesmo... por ela

"Ele tinha aberto seu coração havia tanto tempo fechado, e qual tinha sido o resultado? Uma ferida mais profunda do que ele era capaz de suportar. Porque ele sabia que a memória de Bela, assim como a maldição, ficaria com ele para sempre."

- Outra coisa que merece comentário é a paixão mútua por livros. Ambos eram loucos por literatura. E isso me proporcionou cenas deliciosas. Que sonho seria ter uma biblioteca como a da Fera! E que sorte da Bela por ter aquele lugar todo para ela! Queria tanto estar em seu lugar!kkkkkkkkk... 

Eu recomendo muito que vocês deem uma chance à história! O fato de já a conhecermos não altera em nada sua beleza. Continua sendo uma leitura maravilhosa! E eu já estou com vontade de reler.rsrs


Bjs!

Leitora apaixonada por romances de época, clássicos e thrillers (não necessariamente nesta ordem). Mãe da gatinha Luana. Filha carinhosa. Irmã dedicada. Amiga para todas as horas. Acredita em Deus. E no poder do amor.

16 comentários:

  1. Oi Lu! Quem não gosta de A bela e A fera gente, me diz! Eu não sei se por amar os livros desde sempre, esse é um dos únicos contos de princesa que eu realmente gosto. O desejo de liberdade de Bela, de conhecer o mundo, de ler todos os livros que pi e queria.. E o príncipe também, por que ele não passa somente pela mudança física na história, como a mudança interior, onde ele percebe que se Bela gosta dele daquela forma, é por causa de seu interior afinal, ele é um monstro! Aaahhhh, eu amo..

    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com

    ResponderExcluir
  2. É até um pecado falar isso, mas eu não sou grande fã das Princesas da Disney, a Bela é superestimada por gostar de livros e tal, mas honestamente não me faz a cabeça.
    Essa Edição da Universo dos Livros é linda e tem a história maravilhosa do filme, ou animação enfim. Para quem gosta da história é sempre uma boa.

    ResponderExcluir
  3. Oi, Luna!
    Ai, A Bela e a Fera é meu conto de fadas preferido de todos os tempos <3 Achei o livro a melhor coisa do mundo depois de sorvete haha É sempre uma maravilha rever/reler esse conto e a riqueza de detalhes que a autora conseguiu trazer foi de iluminar os olhos. E ai, nem vamos falar sobre o amor dos dois pelos livros e um pelo outro né <3
    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Oie, tudo bem? Que post lindo! Sua empolgação com o livro e carinho pela história ficam bem claros na maneira como escreveu sua resenha. Eu não curto taanto contos de fada, mas amo a Bela (e seu amor pelo conhecimento). Fiquei com vontade de ler!

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Oi, Luna.
    Apesar de amar A Bela e a Fera, eu não tinha planos de ler esse livro! Mas então li sua resenha e consegui sentir toda a sua empolgação! Agora quero ler para ontem!
    beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Apesar de não ter lido os livros desse clássico, o filme é um dos meus preferidos e já perdi a conta de quantas vezes assisti desde a infância.
    Como o tempo passa rápido.
    Bela nos cativa com sua paixão pela vida, pelas coisas simples e pelos livros.
    Um enredo completamente encantador.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  7. Oi!
    Quem não gosta de uma boa princesa da Disney, não é? Difícil haha. A Bela e a Fera é uma das histórias mais bonitas e com os melhores personagens. Não li nenhum desses livros sobre os clássicos que vem sendo lançados mas a vontade é grande, principalmente sabendo que fazem jus a uma história tão icônica.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Aaaa quero muito conhecer! Eu adoro tudo que envolve os contos clássicos universais, seja um estudo mais aprofundado, uma releitura moderna ou outras versões que não perdem a essência. Muito legal saber que o livro te cativou bastante. Vou ler com certeza!

    ResponderExcluir
  9. Oie!
    Eu já li o livro e adorei! E como disse, mesmo sabendo a história, ela não perde a graça. A história é muito fofa, e ainda temos o filme para nos deixar ainda mais apaixonados pela história.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  10. Olá Luna!!!
    A Bela é minha princesa favorita com toda certeza, pois realmente eu não sou muito chegada nas princesas anteriores que só se apaixonavam pelo príncipe e tal.
    A Bela me conquistou porque ela foi se apaixonando pela Fera, após a mudança dele e não se importar pela aparência *-*
    Eu estou louca para ler esse livro e só estou tentando encontrar as brechas para está mergulhando nesse mesmo.
    Adorei a resenha e que bom que você deu uma chance para o livro, e sequestrou da tua irmã rsrsrsrs

    lereliterario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Oi Luna tudo bem? Adoro A Bela e a Fera, é um clássico que nunca sai de moda, a cada adaptação eles recriam um mundo mágico e a cada vez mais surpreendente, e o Fera com sua rudeza acaba roubando o coração de nossa heroína, simplesmente lindo, deu vontade de ler de novo kkk. Parabéns pelo post, bjs!

    ResponderExcluir
  12. Eu não curto muito princesas e de um modo particular, tenho algumas ressalvas para com essa história. Eu li o conto original e algumas adaptações e meus problemas com este enredo só aumentam. Mas que bom que você gostou.
    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Dentre tantos contos, esse também é um de meus preferidinhos. Só que ao contrário de você não sei dizer para qual ele perderia. Gosto tanto de contos que acabo colocando eles em um só balaio no fim das contas - rsrsrs. Ainda não assisti a essa nova versão cinematográfica, embora adore a história. Mas achei fascinante essa sacada da Disney de fazer uma releitura de seus contos e transformá-los em romances. Ainda não li a nenhum dos livros dessa série de releituras, mas um dia chego neles. Bexus @prefirolercomcalma

    ResponderExcluir
  14. Olá,
    eu não fã de contos de fadas mas gosto e tenho os assistido a muitos anos, também assisti o filme protagonizado pela Emma e fiquei muito contente com o fato dele ter sido tão fiel a animação. A leitura desse livro não chega a ser uma prioridade em minha lista mas certamente adoraria poder lê-lo em algum momento, para poder ter acesso ao que você descreveu, aqueles detalhes que só encontramos nos livros. Acredito que só de termos acesso aos pensamentos mais profundos da Bela e da Fera, já vale muito a leitura, né?

    Abraços!
    Nosso Mundo Literário

    ResponderExcluir
  15. Olá, tudo bem?

    Quando eu era criança assistia muitas animações da Disney, isso foi na década de 90 e eu amava. Hoje em dia confesso que não assisto mais desenhos e ainda não vi o filme "A Bela e A Fera", mas pretendo assistir ainda. O livro não li e por enquanto não vislumbro quando vou ler.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  16. Ola, nao sei mas pelo jeito ando bem desimformado, pois não sabia que havia uma nova edição pela Universo. Super amei tua resenha e empolgação pelo livro, já me deixou com bastante vontade de ter em casa, apesar de conhecer essa história decorada. Mas a dica tá anotada

    ResponderExcluir

Seus comentários são sempre bem-vindos! E são muito importantes para o blog!

Todavia, observe que:

1- comentários feitos apenas para divulgação de sorteios ou coisas parecidas não serão publicados;

2- comentários ofensivos serão excluídos.

*Se deseja entrar em contato com a administradora do blog basta mandar um e-mail para contato@emocoesaflordapele.com e eu responderei o mais rápido possível.

Topo