6 de agosto de 2018

Tudo que assisti e li - julho/2018

Tempo de leitura:

Olá, queridos!

Por incrível que pareça julho foi um ótimo mês tanto para minhas leituras quanto para os filmes e séries. Quem acompanha o blog sabe que fiquei cerca de quatro meses sem conseguir assistir nada!!! E ainda não consigo compreender como foi possível retornar às minhas paixões justamente num mês tão complicado.kkkkkkkk... Existem coisas que nunca entenderemos nesta vida...rs

Assisti um total de quatro filmes e terminei a 19ª temporada da minha série preferida: Lei e Ordem SVU (faltavam 7 episódios). Além disso, eu pretendia ler sete livros no mês e consegui ultrapassar a meta lendo nove!!! 

Matilda, por mais que vocês não acreditem, eu nunca tinha visto até o fim.rsrs Não sei o motivo, acho que simplesmente não tinha surgido a oportunidade. Mas no dia 14/07 estava passando um especial na TV de filmes antigos e mergulhei na história, me encantando por completo! Gente, que filme maravilhoso! Quero uma filha como a Matilda! Tenho direito, vocês não acham?! :D Sério, seria o sonho da minha vida ter uma filha tão carinhosa, inteligente e apaixonada por livros! Essa menina lia de tudo e desde pequena. O triste é que a família dela desprezava sua paixão pelos livros e fazia de tudo para infernizá-la. O pai dela chegou a rasgar histórias que ela tinha conseguido emprestado na biblioteca. Senti tanta raiva daquele traste maldito! Isso sem mencionar o fato de não querer que ela estudasse. O mais revoltante é que existem famílias assim... pais que em vez de ajudar os seus filhos a serem pessoas melhores, instruídas, que tenham uma oportunidade no futuro... fazem todo o contrário! Mas o filme tem final feliz garantido! O melhor possível! Amei!!!

Convenção das Bruxas, por outro lado, é um filme que tive a chance de ver trocentas vezes!kkkkkkkkkkkkk.. Quando eu soube que passaria não consegui me controlar e larguei tudo para revê-lo. Meus anjinhos (primos) estavam aqui em casa e insisti para que eles também assistissem. Enquanto eu contava tudo que ia acontecer. :D Sei, spoiler não é legal e tudo o mais, só que existem ocasiões em que a vontade de preparar as pessoas para o que vai acontecer fala mais alto.rs No final, meus pequenos ficaram com medo do filme e disseram que não gostaram.kkkkkkk... Sendo que é um filme para crianças, que passava na sessão da tarde e foi justamente na minha infância que o vi vezes sem conta. 



Eu sonho com o dia em que conseguirei ler o livro que inspirou o filme O Fantasma da Ópera. É um dos objetivos da minha vida.rs Sempre que tenho a chance de rever este filme sou arrebatada como da primeira vez. É muito amor! E choro, confesso. Não sou capaz de controlar a emoção quando os ouço cantar, quando cenas tão dolorosas aparecem... quando tudo termina da maneira que eu não queria. Eu torcia pelo fantasma, gente! Aquele filho de papai que se apaixonou pela Christine só sabia me irritar. Eu compreendi o suposto anti-herói. Seu passado terrível, sua paixão pela "mocinha", seu amor pela ópera... sua vontade de fazer parte de tudo aquilo enquanto os outros o rejeitavam e temiam. Ele é o centro de toda a trama para mim, é quem me faz rever o filme. Pouco me importei com a Christine e o Rauol! Ela é uma falsa, traidora! Indigna do amor do fantasma. Não venham me dizer que o interesse do meu fantasma querido era unilateral porque a mocinha hipócrita ficava bem tentada a se render, chegava a retribuir a paixão dele para depois voltar com seus olhinhos chorosos e falsos para o Rauol, como se fosse uma pobre vítima. 

Falei "fantasma" diversas vezes, mas o anti-herói não é um ser sobrenatural, não.rs Ele é um homem de carne e osso, que possui um lado do rosto deformado e por isso utiliza uma máscara e vive escondido dentro do teatro há muitos anos. Ele é o real "dono" daquele lugar e o "anjo da música" de Christine, quem a ensina a cantar e faz dela uma estrela. 

Um Olhar do Paraíso é um filme que eu não tinha a menor intenção de ver. Ele estava passando na televisão, tarde da noite, e comentei com a minha irmã que se tratava da história de uma menina que era assassinada e lá de cima (um lugar anterior ao céu) via sua família e seu assassino. Eu ainda não tinha assistido até o fim, pois fez eu me sentir muito mal da primeira vez que tentei ver. Mas aí minha irmã resolveu assistir e eu fiquei na sala com ela. Quando tudo acabou chorei de revolta, de tristeza e impotência. Chorei por saber que coisas assim acontecem. Que crianças são sequestradas e assassinadas todos os dias... e que muitas vezes quem fez isso nunca é encontrado. Eu quis matar aquele desgraçado com minhas próprias mãos! E o final dele não foi suficiente para mim. Merecia sofrer os tormentos do inferno, pagar caro por todo mal que fez. 


Google Imagens


A 19ª temporada de Lei e Ordem - Unidade de Vítimas Especiais teve 24 episódios, conseguindo manter o ritmo e a emoção das temporadas anteriores, o que me deixou muito feliz. Eu soube que ela foi renovada para sua vigésima temporada e já estou ansiosa para o início. Nunca vai existir uma série que me apaixone tanto, que me envolva e me faça mergulhar na vida dos personagens. Minha querida Liv, o detetive Tutuola, a Amanda, o Carisi... o promotor Barba... Eu me sinto parte da vida de todos eles, mas minha preferida é a Liv, claro. 

Como vocês devem saber (já comentei aqui), o promotor Barba deixou a Unidade de Vítimas Especiais, saindo da série, após uma decisão que prejudicou sua carreira. No lugar dele entrou o promotor Peter Stone (da malsucedida Chicago Justice) e apesar de ter me comovido muito com o que aconteceu com o Stone no último episódio da temporada ainda não sou capaz de aceitá-lo. O considero um homem muito frio, distante, e essa jogada de tentarem transformar ele e a Liv num casal me incomoda. Penso que ela merece alguém com mais emoção.rs

Esta temporada teve momentos muito impactantes, que me deixaram chocada e em prantos. Teve um episódio em que a Liv tomou uma decisão equivocada, algo que destruiu a vida de uma personagem. Ela não agiu por mal, simplesmente fez o seu trabalho, cumprindo a lei. Mas penso que teria sido melhor não cumprir. Porque a pessoa teria sobrevivido. Só assistindo vocês irão entender. Foi um dos episódios que mais mexeram comigo. Trata-se de violência doméstica e como é difícil proteger as vítimas. A lei não é eficaz e nem sempre o agressor é punido. É nesse episódio que temos a participação especial da Alex Cabot, uma das antigas promotoras da série, que saiu várias temporadas atrás. Ela continua sendo exatamente a mesma. Sentia muita falta dela. :( 


E os livros que li foram... 

Consegui cumprir todos os desafios do mês, graças a Deus! :D 

- Com a leitura de Era uma Vez no Outono e Hamlet cumpri o Desafio Mensal. Enquanto o primeiro foi uma experiência maravilhosa, se tornando o meu preferido da série até agora, o segundo livro foi um completo tédio.rsrs Hamlet é uma peça de Shakespeare, obra muito querida pelos fãs, mas que não consegui enxergar o encanto que insistem que possui. 

Do Amor e Outros Demônios foi minha leitura para o tema do mês do Desafio 12 Meses Literários e é um livro impactante, que nos perturba e angustia. 



Memórias Póstumas de Brás Cubas eu deveria ter terminado de ler em junho, mas somente em julho foi possível concluí-lo. Gostei muito da história mesmo não tendo suportado quase nenhum personagem. Coisas que Machado de Assis consegue provocar.kkkkkk... Sou muito fã desse autor! 

Joia da Coroa foi minha leitura para a Maratona Romances de Banca e foi uma experiência deliciosa! É Lynne Graham, gente, então sempre vale a pena! Bruto e Apaixonado era o livro do mês da parceria com a editora Harlequin e com ele também cumpri o desafio Literatura Nacional



O que Dizem seus Olhos fazia parte da minha meta para o mês e na verdade tratava-se de um livro que eu queria reler. :) Já tinha lido vários anos antes quando a história nem sonhava em ser publicada aqui no Brasil. Li em espanhol, pois ganhei a edição de presente de uma amiga. Como a editora Planeta realizou o sonho de nós fãs da autora publicando uma obra dela pela primeira vez no país adquiri meu exemplar e reli a história. A amei tanto quanto da primeira vez!

Rebelde e Um Mundo Novo foi um livro recebido em parceria com a editora Harlequin, mas que eu não tinha conseguido ler antes. Ele não fazia parte da meta do mês, todavia foi possível encaixá-lo. :D São duas histórias de época da Nora Roberts, ambas se passando no século XVIII. O primeiro é um romance completo, com cerca de duzentas e poucas páginas e o segundo é uma novela, com pouco mais de 80 páginas. As duas histórias são lindas e envolventes! 

Outros jeitos de usar a boca é um livro de poesia que eu estava louca para ler há muito tempo. Comprei meu exemplar numa sexta-feira e no dia seguinte li, ele saiu passando a frente de vários livros.rsrs Não tenho nem palavras para falar desse livro. É simplesmente arrebatador!

É isso, gente! Espero que tenham gostado do post! :)

Bjs!

Leitora apaixonada por romances de época, clássicos e thrillers (não necessariamente nesta ordem). Mãe da gatinha Luana. Filha carinhosa. Irmã dedicada. Amiga para todas as horas. Acredita em Deus. E no poder do amor.

11 comentários:

  1. Oii.
    Também li Rebelde e Bruto e apaixonado no mês passado, adorei ambos os livros. Sou completamente apaixonada pela escrita da Nora Roberts e ela arrasou com Rebel de e Um novo Mundo.
    Você também só assistiu filmões clássicos, adoooro.
    Abraços, Mary.

    ResponderExcluir
  2. Olá
    Não acredito que nunca tinha visto Matilda na íntegra! Eu assisti zilhões de vezes kkkk e nem gosto. Já assisti a maioria dos filmes citados. A série não me chamou a atenção, os livros já li alguns da lista também, mas o que eu queria ler mesmo é o O que dizem seus olhos.
    Beijuh

    ResponderExcluir
  3. Oiiiii,

    Nossa que mês movimentado!! Bateu uma inveja real aqui kkkkkk eu consegui até ler muitos livros considerando o tempo que eu tinha, mas não conseguir assistir nada e nem terminar as séries que eu havia programado para terminar. Super entendo o sentimento sobre Matilda, sou apaixonada com esse filme e acho a Matilda um doce de criança. Eu estou para ler Bruto e Apaixonado e o da Nora Roberts, mas ainda não peguei eles para começar rs. Parabéns pelas leituras e pelo mês produtivo.

    Beijinhos...
    http://www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  4. Que mês mais produtivo! Hahaha Matilda é realmente um amorzinho, impossivel nao se apaixonar pela personagem. O livro do Garcia Marques é um dos meus favoritos da vida! Não passei nem perto de ler e assistir tanta coisa assim haha.

    ResponderExcluir
  5. Fiquei doida pra ler bruto e apaixonado, me lembrou um pouco uma longa jornada do Nicholas Sparks que eu não li mas amei o filme.

    Pelo fantasma da ópera sou louca e entendo totalmente seus sentimentos pela Christine, detesto ela, sempre sonhei com uma continuação onde o fantasma ( meu lindo Gerard Butler, tinha uma paixonite aguda por ele rsrsrs) encontraria alguém que amasse ele de verdade e pudesse curar suas feridas e ridícula da Christine se daria conta conta do que perdeu mas ja seria tarde demais e ela que ficasse com aquela água de coentro do Rauol, da pra ver o ranço que eu tenho deles né rsrsrs.

    Beijão

    ResponderExcluir
  6. Olá, Vanessa!

    Apesar de ser um livro erótico e eu não gostar do gênero, Bruto e Apaixonado realmente vale a pena! Tem umas cenas das quais não gostei muito, mas o livro como um todo é ótimo!

    Sim! Deu para perceber bem que você odeia os dois!kkkkkkkk... A Christine era uma hipócrita e me dói muito que o fantasma tenha sofrido tanto por uma pessoa tão indigna do seu amor. Eu também gostaria de uma continuação onde ele fosse feliz, amado de verdade.

    P.S.: Eu também tenho uma paixonite pelo Gerard Butler.rsrs

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Foi um ótimo mês. Tenho tentado me dividir entre leituras e meus filmes e seriados, mas acabo me enrolando um pouco.
    Da sua listinha estou com muita vontade de ler Nora Roberts e Janice Diniz, tenho certeza que serão leituras muito agradáveis.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  8. Oii tudo bem?

    Ah gente que coisas incríveis! O seu mês foi muito produtivo, que coisa maravilhosa.

    Matilda e a Convenção das Bruxas são os filmes da minha infância. Um olhar do paraíso é um filme que não consigo chegar até o final, sempre acontece algo. Assim como você, a minha paixao é o fantasma da ópera.

    Amei os livros que leu esse mês tb

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Olá, tudo bom?
    Quantos filmes e livros maravilhosos! Como assim você nunca tinha assistido Matilda até o fim?! Eu sou apaixonada por esse filme desde a minha infância! Outro filme que você viu e que amo é O Fantasma da Ópera, meu musical favorito!Também me emociono toda vez que vejo ♥
    Quanto as leituras, de fato o Machado tem o dom de nos fazer gostar de sua história, ainda que não gostemos dos personagens!
    Enfim! Que setembro seja um mês de leituras maravilhosas para você! ♥
    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Acreditas que até hoje também não consegui assistir Matilda por completo? Hahaha já até adicionei na minha lista para que esse fato mude. O fantasma da ópera também é o meu amor. Deu até vontade de ver novamente. Suas leituras também trouxeram excelentes opções. Curti.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir
  11. Oi, tudo bem?
    Matilda é um dos meus filmes favoritos da vida, coisa mais fofa essa personagem. Já um dos livros da Nora Roberts e gostei muito pretendo ler o outro em breve. Estou lendo Bruto e Apaixonado e como amo a autora é uma leitura que vai me conquistar com certeza! ❤

    Beijos,

    Rafa -Fascinada por Histórias

    ResponderExcluir

Seus comentários são sempre bem-vindos! E são muito importantes para o blog!

Todavia, observe que:

1- comentários feitos apenas para divulgação de sorteios ou coisas parecidas não serão publicados;

2- comentários ofensivos serão excluídos.

*Se deseja entrar em contato com a administradora do blog basta mandar um e-mail para contato@emocoesaflordapele.com e eu responderei o mais rápido possível.

Topo