25 de maio de 2010

O Conquistador Grego - Helen Bianchin

Tempo de leitura:
No instante em que Jesse Dimitríades pousa os olhos em Rebeca, uma atração eletrizante explode entre ambos!

Jesse sabe que as mulheres o acham irresistível...e Rebeca não é exceção. Como se explica, então, aquela reação fria e distante?
Rebeca nunca se sentiu tão atraída por um homem quanto por Jesse! Ele é incrivelmente charmoso e sensual...e esse é o problema! Ela não quer se apaixonar nunca mais, não quer passar novamente pela dor atroz da desilusão...
Jesse está determinado a derrubar a barreira que Rebeca ergueu ao redor do seu coração e provar que seu amor é verdadeiro. Mas parece que não está encontrando a maneira certa de capturar o coração daquela mulher!

 
Palavras de uma leitora...
 
Esse é mais um mágico romance da Helen. Romance onde o mocinho trata a mocinha com respeito, não tem medo de dizer TE AMO... Me encantei coma Rebeca. A garra dela diante das dificuldades me deixou impressionada.
 
Um pequeno resumo (dessa vez não contarei toda a história):
 
Rebeca é uma jovem de 25 anos que teve um casamento infeliz. Brad, seu ex-marido, foi um cordeiro durante o noivado. Representando muito bem o papel de um bom homem. Mas logo na noite de núpcias mostrou seu verdadeiro eu. Gostava de agredir e violentar Rebeca... E ela, após três meses de tortura, decidiu ir embora. Brad não aceitou muito bem a separação... E a polícia teve que ser envolvida no caso.
Depois da separação, Rebeca comprou um apartamento com várias trancas de segurança, alarme e tudo que pudesse lhe dar segurança, comprou um carro e continuou a trabalhar na floricultura onde ela e sua irmã, Ana, são sócias. Ana é casada com Luc Dimitríades e no dia do casamento de Ana com Luc, Rebeca conheceu o primo de seu cunhado, Jesse Dimitríades. Ele teve a audácia de beijá-la e ela os esbofeteou.
Agora, Jesse está de novo em Sidney e não pretende voltar para Nova York sem Rebeca. Mas o ex-marido dela é um forte inimigo, que não aceitou perder Rebeca e não pretende sossegar enquanto não se vingar dela. E agredí-la fisicamente é seu prazer.
Rebeca por sua vez, não pretende parar sua vida e ficar alimentando seus medos. Nada nem ninguém vai impedi-la de vencer... E o primeiro adversário que ela terá que vencer... é ela mesma.
 
(2º livro da série Irmãs Stanford... Comecei pelo livro errado, mas já irei começar a ler o primeiro livro: MORRENDO DE AMOR, que é protagonizado pela irmã de Rebeca, Ana, e o marido Luc.)

Uma leitora que se envolve profundamente com as histórias que lê, que é apaixonada por músicas, filmes... uma romântica incurável.Leitora apaixonada por romances de época, clássicos e thrillers (não necessariamente nesta ordem). Mãe da gatinha Luana. Filha carinhosa. Irmã dedicada. Amiga para todas as horas. Acredita em Deus. E no poder do amor.

4 comentários:

  1. oi sou uma grande fa de lynne graham por favor arranja mais livros dela. bdg

    ResponderExcluir
  2. Oi Anônima,

    Estou nesse exato momento lendo mais um livro da Lynne Graham. O nome do livro é "FANTASIA ÁRABE"

    Bjs!

    ResponderExcluir
  3. Enredo bem fraquinho, sem grandes emoções, confesso que esperava mais pelo título do livro, enfim é bem chatinho dá pra você pular várias páginas que não farão falta ao entendimento...

    ResponderExcluir
  4. kkkkkkkkkkkkkk... Ai, Beatriz! Essa é uma das minhas histórias preferidas da Helen Bianchin!kkkkkkk... Sempre lembro com carinho desse livro. Eu amei a história!rs

    ResponderExcluir

Seus comentários são sempre bem-vindos! E são muito importantes para o blog!

Todavia, observe que:

1- comentários feitos apenas para divulgação de sorteios ou coisas parecidas não serão publicados;

2- comentários ofensivos serão excluídos.

*Se deseja entrar em contato com a administradora do blog basta mandar um e-mail para contato@emocoesaflordapele.com e eu responderei o mais rápido possível.

Topo