28 de abril de 2018

Hoje e Sempre - Nora Roberts

Tempo de leitura:
(Título Original: For now, forever
Tradutora: Daniela Rigon
Editora: Harlequin
Edição de: março/2018)

Os MacGregors - Livro 5


Uma mulher determinada a seguir seus sonhos mesmo que isso contrariasse os costumes da sociedade da época. Um homem que sabe o que quer e não aceita a derrota de forma alguma. Um casal inesperado, com uma trajetória de amor e superação. 

Daniel MacGregor sempre soube que construiria um império. Por isso, aos 30 anos e trabalhando para conquistar seu segundo milhão, ele decide que é a hora certa de encontrar a mulher perfeita para casar e começar uma família. As melhores candidatas são aquelas de linhagem forte, silenciosas, bonitas e que queiram ficar em casa cuidando dos futuros filhos. Anna Whitfield não se encaixa nesse perfil. Ela é a única mulher da turma de medicina e aspira ser uma ótima cirurgiã. A última coisa que Anna deseja é se casar e ter filhos, pois isso iria interferir na sua dedicação à carreira médica. Mas Daniel não vai deixá-la fugir da atração que sentem, mesmo que para isso tenha que ignorar seus instintos que imploram por um casamento e aceitar a proposta de Anna de apenas morarem juntos. Essa situação será um escândalo que apenas o amor poderá superar!



Palavras de uma leitora...


- Tarde de sábado. O que era para eu estar fazendo? Elaborando os oito (oito!!!!) textos, devidamente fundamentados, que tenho que entregar ao professor na segunda-feira. Também deveria estar estudando para as duas provas monstruosas que tenho esta semana. E o que realmente estou fazendo?! Ora, a resenha deste livro! "Olha o que o amor me faz..."

Se tem uma história da série que eu estava louca para ler era esta. Me apaixonei pelo Daniel logo com o primeiro livro, que conta a história da filha dele e como esse casamenteiro decidiu dar uma mãozinha para a mocinha se casar com quem ele queria. É claro que esperava que a filha se apaixonasse pelo cara... só empurrou um na direção do outro. Quase literalmente.rsrs Eu dei tantas risadas com as brigas entre ele e a Serena e seu jeito intrometido de ser que pensei: "Bem que poderia ter a história dele". E quando pesquisei sobre a série soube que não ficaria decepcionada. :D

- Não estou seguindo bem a ordem, pois li tudo certinho até o terceiro, mas pulei o quarto. :( Porque, infelizmente, ainda não o tenho. Mas mesmo que o tivesse lido tenho certeza absoluta que continuaria considerando Hoje e Sempre o meu preferido. Amo. Muito. Foi simplesmente delicioso e emocionante conhecer um pouco mais deste patriarca intrometido e sua amada Anna. Me encanta toda a série, mas este livro aqui é o meu xodó.rsrs

Daniel MacGregor, o último de sua linhagem, sabia exatamente o que queria da vida. Tendo crescido numa família pobre, perdido a mãe aos 10 anos de idade e visto seu pai e seu único irmão morrerem vítimas de um acidente nas minas em que trabalhavam, vencer era mais que um objetivo. Não faria aquilo apenas por si mesmo, mas por toda a família que perdeu e que sempre tinha confiado nele, no seu potencial. 

"Quando fez 15 anos, Daniel MacGregor prometeu que teria um império, construiria um, governaria um. E sempre cumpria sua palavra."

Antes mesmo de completar 30 anos, ele já tinha conquistado seu primeiro milhão e dali em diante foi só ladeira acima. Quanto mais alto chegasse, mais oportunidades de emprego geraria para outras pessoas e mais próximo estaria de atingir o topo que desejava. Mas mesmo enquanto vibrava com cada aposta vitoriosa pensava na família que ainda não possuía para dividir tais momentos. Queria seu próprio lar. Uma esposa que cuidasse da casa e dos vários filhos que teria. Queria netos. Queria continuar

"Não haveria império sem uma família para compartilhá-lo."

Disposto a dar o passo necessário em direção ao seu grande sonho, Daniel começou a frequentar os eventos sociais com uma nova visão. Encontraria a mulher adequada, se casaria em pouco tempo e logo estaria trabalhando no primeiro filho. Já podia antecipar a satisfação de segurar seu primeiro bebê nos braços. E tudo teria dado completamente certo se seus olhos não tivessem se fixado em Anna. Porque se tinha uma mulher que não era apropriada para os seus planos, definitivamente, era Anna. 

"Observou-a de uma maneira que faria qualquer mulher enrubescer. Ela o fitou de volta friamente enquanto seu coração disparava. Talvez tivesse sido um erro. Ele pareceu tomar seu olhar como um desafio e sorriu vagarosamente."

Embora existissem diversas mulheres no salão mais do que desejosas de serem a senhora MacGregor, ao olhar para Anna ele soube que era por ela que estava esperando. Sua delicadeza, seu olhar distante, o modo como se encaixava perfeitamente em seus braços... tudo nela parecia absolutamente certo. Seria sua mulher. Na próxima semana, se possível. Não. Talvez não aguentasse esperar nem tanto tempo assim. 

Mas os planos de Daniel, tudo o que ele tinha perfeitamente organizado para os dois, ia na contramão dos sonhos de Anna. Ela era uma universitária que estava prestes a cursar o último ano de Medicina, por mais que seus pais torcessem o nariz para sua escolha e fosse obrigada a enfrentar discriminação de todos os lados. Afinal de contas, desde quando uma mulher servia para ser médica?!

"- Ser médico é profissão de homem.
- Aprecio a sua opinião. Acontece que não acredito que existe 'profissão de homem' se uma mulher é capaz de exercê-la."

E com Daniel não foi diferente. Ao saber que Anna pretendia ser médica ficou chocado e depois pouca importância deu ao fato. Assim que a convencesse a se casar com ele sua escolhida não teria outra opção senão largar toda aquela baboseira. Uma médica! Onde já se viu tamanho absurdo? Ele até apreciava uma mulher com personalidade e opiniões próprias... até certo ponto: quando tal personalidade e opiniões não ultrapassavam o limite do feminino. Não se casaria com uma mulher que tivesse profissão, ainda mais uma como aquela. Sua esposa teria que se contentar, ser feliz, cuidando da casa e dos filhos. Cabia a ele sustentar a casa e trabalhar fora. Era tudo muito simples. 

"- Preciso de filhos, Anna. - Não a tocou. Não precisava. - Preciso de filhos e filhas. Quero que seja a mãe deles."

Embora tenha se sentido atraída por ele desde o instante em que seus olhares se cruzaram e que ao estar em seus braços se sentisse em casa, nada no mundo, nem mesmo o amor, a faria desistir de tudo pelo que lutara. Foram anos de muito estudos, suportando o desprezo de colegas, professores, os olhares tortos das pessoas que a conheciam e até de seus próprios pais. Não desistiria, muito menos agora que faltava tão pouco para ter o seu diploma. Talvez amasse Daniel, talvez abrir mão dele fosse um erro... Mas anular a si mesma por causa de um homem também seria. E ainda que desejasse conhecê-lo melhor, construir algo ao seu lado, a intransigência dele colocava tudo a perder. Não se casaria com um homem que não a respeitava. Que tinha aprendido a amá-la, mas não a aceitá-la como ela era. 

"Eu não vou me casar com você amanhã. Nem em uma semana. Eu não vou me casar com você. Nunca."

Duas pessoas determinadas, que sabiam bem o que desejavam e não estavam dispostas a ceder. Um amor mútuo, mais forte do que seriam capazes de admitir para si mesmos. E muitos desafios a serem superados antes que pudessem se permitir um felizes para sempre

"O poder que agora exercia poderia desaparecer. Ele o construiria de novo. Mas havia uma coisa que estava começando a entender que, se perdesse, não poderia substituir. Anna."

- A história começa pelo presente, quase quarenta anos depois do primeiro encontro entre Daniel e Anna. Seus filhos já estão crescidos e seguiram a própria vida. Já tinham carregado nos braços dois netos e outro estava a caminho. Chegaram ao ponto em que desejavam, tinham tudo o que sonharam e nem por um instante se arrependiam das escolhas que tinham feito. Anna era uma cirurgiã respeitada em sua área e Daniel construíra o império pelo qual lutou. Era para tudo estar bem, mas um terrível acidente abalou profundamente as estruturas de sua família. 

"Pânico, medo e sofrimento atravessaram seu corpo e encontraram um sólido muro de determinação. Ela não perderia o controle agora. Não podia."

Ao longo dos anos, foi ela quem levou notícias boas, e por vezes tristes, para famílias. Lidava com pacientes à beira da morte, vítimas de acidentes, doenças ou outras tragédias. Salvou muitas vidas, mas também perdeu algumas. Todavia, naquele momento, ela estava do outro lado. Sentia na pele o que os familiares de seus pacientes sentiam. Mesmo sendo uma médica brilhante, naquele instante sentia-se impotente, esperando do lado de fora da sala de cirurgias que as notícias fossem boas. Rezava por isso. Porque a outra opção seria insuportável. 

- Após esse prólogo, que me deixou com o coração na boca e um medo terrível torcendo o estômago, somos levados de volta ao passado, através de flashback, para conhecermos como tudo começou... Já sabíamos muito sobre o casal através da história de seus filhos, mas quem eles realmente eram? Seus sonhos, desejos, vontades da juventude? Como tinham se conhecido, em que momento se apaixonaram? Somente em Hoje e Sempre temos a oportunidade de mergulhar na história deles e confesso que foi surpreendente. Maravilhoso. 

"Se me quer, Daniel, terá de ser nos meus termos. Pense sobre isso. - Ela o deixou meio vestido e caminhou até o carro."

- Quem mais me surpreendeu nessa história foi Anna. Embora a conhecesse desde o primeiro livro, não a notava muito, sabe? Via o amor que o Daniel sentia por ela, o carinho de seus filhos, sua profissão, mas ela nunca tinha me dado a chance de vê-la realmente, de saber quem ela de fato era. Só que com esse livro... Nossa! Que mulher admirável! Com toda a sua calma característica, seus olhares firmes e suas palavras bem colocadas, sabia bem como colocar o Daniel em seu devido lugar. Ele gritava, se agitava, exigia e ela apenas levantava a sobrancelha e dizia umas quantas verdades como seu ponto final. Ele poderia exigir o que quisesse, ela seria o que desejasse e não estava nem aí se isso o decepcionaria. Amar alguém não significa abrir mão de si mesmo por essa pessoa. Anna tinha isso em mente e estava determinada a ensinar tal lição ao mocinho.rsrs Existiram momentos em que até tive pena dele. Mas adorei cada atitude da mocinha! É assim que se faz!kkkkkkkk

"Daniel desejava um casamento. Anna, uma parceria. Ainda não haviam descoberto como combinar as duas coisas."

- Sabe aquele livro que você mal termina de ler e já deseja começar tudo de novo? Hoje e Sempre é assim. Lê-lo é uma delícia. Simplesmente não encontro palavra melhor. Acompanhar a paixão dos personagens, as escolhas que são como barreiras entre os dois, a maneira como precisam aprender que para se ter um relacionamento é necessário mais que amor... A guerra entre razão e coração, a dignidade e independência de Anna, que nos mostra que antes de amar alguém é preciso amar e respeitar a si mesmo... Tudo é maravilhoso. E foi impossível não rir e chorar com o final. Estou apaixonada por esses dois. 

"E sempre que fizermos amor em nossa casa, me lembrarei de nossa primeira vez aqui. Mesmo em cinquenta anos a partir de agora, ainda me lembrarei da primeira vez que a trouxe aqui."

- Necessito dizer que recomendo????!!! :D É claro que recomendo! MUITO!!!!

Bem... Agora retornarei aos meus estudos.kkkkkkk... 


Segundo a internet, os livros que fazem parte da série Os MacGregors são:

1- Jogo de Sedução 
2- Destino Tentador
3- Orgulho e Paixão
4- Encanto da Luz
5- Hoje e Sempre (flashback do romance entre Daniel e Anna, os pais de Serena)
6- Rebelde (histórico!)
7- Um Mundo Novo (histórico!)
8- Instinto do Amor
9- Beijos que Conquistam
10- Amor Nunca é Demais
11- Um Vizinho Perfeito

Vocês podem encontrar informações completas sobre a série clicando AQUI


*Este livro foi recebido em parceria com a editora Harlequin.  

Leitora apaixonada por romances de época, clássicos e thrillers (não necessariamente nesta ordem). Mãe da gatinha Luana. Filha carinhosa. Irmã dedicada. Amiga para todas as horas. Acredita em Deus. E no poder do amor.

17 comentários:

  1. Uau!
    Que resenha hein?!
    Então, adoro a Nora, mas essa série ainda não comecei a ler.
    Todos falam super bem, mas ainda não tive a oportunidade.
    Agora, 11 livros?! Nora quer me matar!!! huauhauhaha
    Adorei sua resenha e espero gostar bastante quando iniciar essa maratona!
    Obrigado pela dica!

    Beijinhos!

    #Ana Souza
    https://literakaos.wordpress.com

    ResponderExcluir
  2. Gosto muito de Nora Roberts, mas confesso que li bem menos livro do que gostaria, então sempre que vejo resenha sobre seus livros eu sei que quero ler. Daniel encheu meus olhos de coraçõeszinhos e claro que adorei o fato de3le ter se esbarrado justo em Anna, que sonha bem diferente dele.
    Apesar de ser uma série grande eu quero muito ler, recomendação anotada e bons estudos.

    Abraços.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Bom, como ainda não li nada da Nora Roberts e você, assim como todo mundo por aí, falam tão bem de sua escrita, preciso conferir. Mas a série é bem grandinha, então acho que vou tentar conhecer a escrita dela por outro livro. Mas obrigada pela dica!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  4. Oi Luna!
    Eu não conhecia essa série, mas apesar de ter curiosidade em ler algum livro da Nora Roberts, ainda estou procurando um livro que seja mais o meu estilo.
    Em relação a esse livro, não fiquei muito interessada por ser um romance histórico, que é um gênero que não curto.
    Lendo a sua resenha, acho que ficaria um pouco irritada com o Daniel, pois os pensamentos deles são muito conservador (mesmo que naquela época fosse meio "normal" pensamentos como esses ). Já a Anna, só lendo a sua resenha, já gostei muito dela, rsrs.
    Sua resenha está ótima!
    Bjss

    http://umolhardeestrangeiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá,

    Adoro leituras deliciosas como essa parece ser e foi para você. Acho incrível quando termino uma leitura e logo sinto vontade de ler novamente. Gosto da escrita da Nora, achei essa premissa muito bacana, mas não estou iniciando novas séries agora, porque tenho muitas a finalizar, no entanto deixarei a dica anotada.

    Beijos,
    oculoselivrosblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oláa, tudo bem? Adorei sua resenha, senti como se já tivesse lido o livro! Eu já li dois livros da Nora e curti bastante, então fiquei curiosa com esse também :D Bom saber que gostou tanto; só aumentou minha curiosidade!

    beijos

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Esse livro é uma das minhas próximas leituras. Estou curiosa com a trama de Anna e Daniel. Por ser o patriarca dessa família, desde o primeiro livro vem me encantado.
    Pelo visto a trama é delicada e muito bonita.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  8. Oi! Li Nora há muito tempo atrás, um daqueles romances de banca, e não li mais nada! Que bom que você se surpreendeu com a leitura deste livro, e que apesar do clichê, foi uma leitura agradável e gostosa. Achei muito legal ela ter colocado uma protagonista que quer vencer profissionalmente quando ainda não havia muito disso, e do protagonista ter preferido uma mulher inteligente e forte para amar. Que bom que a história pode ser lida individualmente, sem interferir ou ter interferências com outros livros.

    Bjoxx - http://www.stalker-literaria.com/

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Já tinha lido a respeito dessa série, acho que foi aqui mesmo. rsrs
    Já conhecia a série também, embora nunca tenha lido nada da autora. Sempre leio recomendações, mas já li algumas recomendações negativas também e acho que por isso acabei não lendo nada dela.
    Bom saber que essa série é legal e vale a pena. Quem sabe um dia.
    Bjs
    Lucy - Por essas páginas

    ResponderExcluir
  10. Oiie!
    Eu ainda não li nada da Nora Roberta, pode me julgar kkkk'.
    Tenho curiosidade em conhecer a escrita dela e essas tramas que tanto arrebata os fãs.
    Mas não começarei por sagas/series rs', se não estou enganada tenho um livro dela na estante e quero dá uma chance a ele ainda esse ano.
    Adorei sua resenha.
    Beijos
    www.manuscritoliterario.com.br

    ResponderExcluir
  11. Esse livor me surpreendeu muito porque eu ainda não conhecia a escrita da Roberts e encontrei um romance maduro e muito bem argumentado. sem falar da protagonista que apesar da época em que viveu, era toda trabalhada no empoderamento. Adorei!!!
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Olá! Tudo bom?

    Li esse livro ontem e adorei! Foi o meu primeiro contato com a escrita da Nora Roberts e ela não decepcionou em nada. Gostei muito da forma fluida do livro e amei o Daniel apesar dele ter todas as expectativas erradas sobre as mulheres haha ❤️

    Um beijo

    ResponderExcluir
  13. Oi, Luna, tudo bem?

    Se tem uma coisa que eu não faço é pular livros de séries, tenho um nervoso enorrrme! Ahahhahaha
    Menina, já amei a Anna e odiei o Daniel! Hahaha está certo que estamos falando de 40 anos atrás e pensamentos como "mulher não tem que ter profissão" eram normais... mas mesmo assim sei que passaria muita raiva com ele! Hahaha
    Quero muito conferir essa força da Anna, sua persistência e o fato dela não se deixar abater com o que pensavam a respeito de seus sonhos. E também fiquei curiosa com o que está acontecendo no presente...

    Beijos
    - Tami
    https://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  14. Olá, tudo bom?

    Eu ainda estava com um pé atrás com esse livro, por ver algumas resenhas não tão positivas assim. Mas a sua me encantou tanto que eu acabei colocando a obra na lista de desejados. Saber que é uma protagonista forte, que não desiste do seu sonho por causa de um homem e, na verdade, ensina umas boas lições para ele, me anima. Quando eu vi que ele queria que ela desistisse de ser médica para ser esposa/mãe/dona do lar, fiquei chateada e pensei que não gostaria dele. Já que, uma coisa não anula a outra, não é? Ela pode ser uma, outra ou as duas coisas ao mesmo tempo, só depende dela. Então sim, eu quero ver ele cair desse pedestal e aprender algumas coisas novas, rs.

    Enfim, adorei a postagem e agradeço a indicação :)
    Abraços.

    ResponderExcluir
  15. Oie, tudo bmo?
    Eu adorei a resenha! Nunca li nada da autora mas só ouço elogios a suas obras! Espero poder ter a chance de conehcer sua escrita em breve, pois amei o enredo desse livro!!

    ResponderExcluir
  16. Oi oi!
    Eu li a sua resenha e fiquei encantada com a história. Já li outros livros da autora, e sei que ela não é uma DIVA para romances, mas faz ótimos romances. Essa é a primeira resenha que li do livro e espero gostar da leitura, pois sua opinião me encantou e deixou muito intrigada.

    Beijoss, Enjoy Books

    ResponderExcluir
  17. Olá, tudo bom?
    Adoro a escrita da Nora e fiquei louca para conhecer essa série através da resenha desse exemplar. Curti muito saber que suas expectativas foram supridas e que você se apaixonou pela história desses dois, que te ganharam por completo. Confesso que já estou louca para conhecer Daniel. E o que dizer de Anna que mal conheço mas já admiro(momento orkut haha)?! Enfim! Sugestão mais que anotada! Amei a resenha ♥
    Beijos!

    ResponderExcluir

Seus comentários são sempre bem-vindos! E são muito importantes para o blog!

Todavia, observe que:

1- comentários feitos apenas para divulgação de sorteios ou coisas parecidas não serão publicados;

2- comentários ofensivos serão excluídos.

*Se deseja entrar em contato com a administradora do blog basta mandar um e-mail para contato@emocoesaflordapele.com e eu responderei o mais rápido possível.

Topo