28 de janeiro de 2019

Revelações - Linda Howard

Tempo de leitura:
(Título Original: Kill and Tell
Tradutora: Carolina Caires Coelho
Editora: Bertrand Brasil
Edição de: 2008)

Série John Medina - Livro 1

Alguns segredos precisam ser revelados, doam a quem doer... 

Ainda abalada com a morte recente da mãe, Karen Whitlaw é surpreendida ao receber pelo correio uma caixa contendo um caderno misterioso, enviado por seu pai, com quem mantinha pouco contato desde que ele retornara da Guerra do Vietnã, décadas atrás. Logo depois, uma notícia a deixa chocada: o assassinato de seu pai nas ruas de Nova Orleans.

Mesmo que essas revelações levem a um terrível assassinato. 

Para o detetive Marc Chastain, o assassinato de um morador de rua não fazia sentido - principalmente depois de ter conhecido a filha da vítima. Longe de ser a mulher fria que ele esperava encontrar, Karen Whitlaw mostrava-se simpática e sensível. Ela também está correndo grande perigo. Uma série de "acidentes" mexeu profundamente com Karen, atraindo para ela a proteção do charmoso detetive, a quem, inicialmente, tentou resistir. Juntos, eles desvendam uma história perturbadora que envolve política, poder e morte - e enfrentam um assassino que não vai parar enquanto não tiver em suas mãos os segredos do pai de Karen.



Palavras de uma leitora...


- Eu comecei a ler este livro em 01/10/2018. O que significa que deveria ter concluído a leitura faz tempo, pero... abandonei tudo ao chegar na metade do livro. Simplesmente percebi que não importava o quanto eu insistisse a leitura não tomaria um rumo diferente. A história realmente estava sendo mal conduzida e não havia chance de a autora conseguir salvá-la a partir dali. Por isso, deixei o livro de lado e fui ler outras coisas. 

Foi graças à categoria de janeiro do Desafio 12 Meses Literários que criei coragem para voltar para o tédio que era o livro e terminá-lo. E li a metade que restava em apenas um dia. Por que o livro passou a fluir naturalmente? Claro que não. Simplesmente porque quase me agredi (risos) para concluir a leitura. Tive sérias discussões comigo mesma para poder me forçar a acabar de uma vez com este martírio. 

O pior é que conheço as obras da Linda Howard há anos. E, regra geral, são ótimas apostas, tanto no gênero de romance água com açúcar quanto em suspenses românticos. Me apaixonei pelo livro Reencontros, que conta a história de uma mãe que teve o filho sequestrado ainda bebê e luta não só para recuperá-lo, mas para entender o que motivou o crime, já que não parecia um mero acaso: foi tudo planejado. Sem sombra de dúvidas é um livro que carrego com carinho em minhas lembranças, que me fez chorar muito e em momento algum me causou tédio. Portanto, Revelações foi uma grande e péssima surpresa. 

- O livro já começa mostrando que não vai dar certo. Um mistério mal escrito já na primeira página, pois acompanhamos o desenrolar dos acontecimentos de forma autômata, sem emoções. E conforme avançamos na leitura percebemos que aquilo não iria melhorar, que não conseguiríamos nos conectar à história e aos personagens. Não importando o quanto tentássemos

A sinopse é bem completa ao mostrar que a história gira em torno de Karen Whitlaw, jovem enfermeira que ainda lidava com a morte repentina da mãe quando recebeu a notícia de que o pai que ela não via há muitos anos havia sido assassinado. Em choque, ela viaja até a cidade do crime para fazer o reconhecimento e planejar o enterro, sequer imaginando que tal assassinato poderia ter algo a ver com uma caixa que o pai enviara para a mãe dela pouco tempo antes. É quando ela conhece o detetive Marc Chastain, o responsável pelas investigações do ocorrido e quem se torna um porto seguro para ela ao longo dos próximos três dias. 

Se sentindo sozinha e perdida, Karen acaba se deixando levar pela química que surge entre ela e o detetive, por mais inapropriado que aquilo fosse. Todavia, após as coisas atingirem um ponto sem volta, ela foge, voltando para sua vida de antes, disposta a esquecer tudo o que tinha acontecido. Mas tudo toma um novo rumo quando duas tentativas de assassinato seguidas a fazem perceber que realmente estava em perigo, que fosse qual fosse o motivo alguém desejava vê-la morta. 

Não podendo confiar em outra pessoa além de Marc, ela se une a ele na tentativa de encontrar respostas e manter ambos vivos. 

- É uma história que tinha até potencial para ser boa e isso sempre me irrita num livro. Quando ele poderia ser bom, mas o autor faz um monte de besteiras. A Linda não conseguiu fazer o mesmo que em Reencontros: não conseguiu equilibrar romance e suspense. Na tentativa de produzir cenas eletrizantes de perseguição e mortes "abortou" diversas cenas. Ela não parecia saber quando parar ou quando continuar, saía abortando tudo e tornando uma cena pior que a outra. Eu chegava a fechar os olhos e respirar fundo, pois em nada esta narrativa se parecia com os outros livros que li da autora. Não sei o que se passou. O livro inteiro foi desenvolvido de forma péssima, tornando a leitura extremamente maçante. 

E, consequentemente, o romance entre o casal não "colou". Não foi convincente. Tudo aconteceu rápido demais. Num momento ela estava no enterro do pai, depois estava na cama com ele, depois estava fugindo, depois estava voltando e percebendo que o amava e o sentimento era recíproco. Tudo em menos de uma semana. Não tive tempo nem de perceber a química quanto mais o amor! E se tem um casal que não combinava era este. E não estou falando de aspectos físicos não. Estou falando de envolvimento. Não "batia", sabe? O que a autora escrevia não batia com o que deveríamos sentir pelo casal ou o que eles próprios deveriam sentir um pelo outro. Acho que nem eles acreditavam que se amavam.kkkkkkk... 

- O suspense não se manteve. A autora segurou o grande segredo até o final, mas era algo muito previsível. Além disso, nem as cenas de perseguição provocaram alguma emoção, pois como eu disse tais cenas eram interrompidas bruscamente. E nem tiveram tantas cenas assim. A autora não harmonizou as coisas, assim não conseguiu construir o típico suspense romântico. Ora ela se concentrava no suspense e esquecia o casal, ora se concentrava no casal e esquecia que era para ter um suspense ali, com perguntas que precisavam ser respondidas e um assassino supostamente no encalço deles. Não tem uma só cena que salve esta história, nem mesmo a cena final. Enfim... 

- É isto. Infelizmente, esta não foi uma boa leitura. Mas, como eu disse, a Linda Howard é uma ótima autora, eu conheço outros livros dela e amo! Não desisti de suas histórias. Simplesmente, como acontece com qualquer autora amada, existe livro que não funciona comigo. O que não significa que será uma leitura ruim para você também. Pode acontecer de você ler e amar! E torço para que isso aconteça! :) 


Leitora apaixonada por romances de época, clássicos e thrillers (não necessariamente nesta ordem). Mãe da gatinha Luana. Filha carinhosa. Irmã dedicada. Amiga para todas as horas. Acredita em Deus. E no poder do amor.

12 comentários:

  1. Eu simplesmente fico muito revoltada quando um livro não atinge minhas expectativas, ou que eu não curta ele. Ainda mais quando conheço o autor, como ele escreve.. Gente parece que falta algo em mim.
    Você ainda foi bem corajosa e conseguiu volta a leitura para conclui-la, mesmo que a história não tenha te convencido.
    Uma pena...:(

    ResponderExcluir
  2. É horrível mesmo quando uma autora que amamos faz merda e estraga o enredo e pelo visto fez uma sucessão delas. O bom é que em outras obras ela soube equilibrar as coisas e pelo visto escreveu ótimos livros. E assim como você fico pê da vida quando uma trama tinha tudo para ser maravilhosa, mas por algum devaneio da autora tudo vai pelo ralo. Bem, se você não gostou que leu é sinal pra mim ficar com as orelhas em pé e seguir para um outro livro da autora que não esse rs

    ResponderExcluir
  3. Eu tô imaginando voce se obrigando a realizar essa leitura depois do aniversário de um ano já kkk mas entendo seu lado, eu também não gosto nadinha de abandonar obras, só que nesse caso a insistência não rendeu tantos frutos assim, levando em conta que a leitura teve grandes críticas, ne? Uma pena.

    ResponderExcluir
  4. Já li livros da Linda e gostei, mas acho muito normal que em alguma ou outra obra a gente não goste ou o livro não funcione como a gente esperava. Mas gostei da sua sinceridade.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Oi, Luna.
    Que triste que você não tenha gostado da história. É decepcionante quando vamos com muita sede ao pote.
    Você não gostou da história, e eu achei a capa feia demais, nunca chegaria nele pela capa, e agora, sabendo da história, vou pular esse livro! Rs.

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Uma pena a leitura não ter sido tão produtiva, realmente é um banho de água fria quando o autor se perde ou entrega demais o enredo logo no início.
    Obrigada pela sinceridade na resenha.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  7. Olá, Luna.

    É tão ruim quando infelizmente o livro não consegue atingir nossas expectativas, muito frustante.
    Pelo que eu vejo, seria um ótimo livro de suspense de prender o leitor, mas a forma como as coisas se desenvolveram tão rápido não funcionaria para mim, ainda mais essa coisa toda de amar em menos de uma semana e querer estar nos braços do cara, não cola comigo e foi o erro da autora nesse suspense, uma pena!

    ResponderExcluir
  8. Olá!

    É muito ruim quando nos decepcionamos com um livro de um autor que gostamos, mas foi o que você disse, infelizmente acontece.

    O livro não me pareceu muito atraente, mas gostei da sua sinceridade e das explicações.

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Oi!
    É muito ruim essa sensação de história mal conduzida! Eu também acabo não aguentando e largo a leitura, não gosto de concluir nada por obrigação.
    Também fico irritada quando a história tem um bom potencial, mas parece que o autor não soube conduzir os detalhes.
    Uma pena que este livro não tenha te agradado, ainda bem que você conhece outros livros da autora para não desistir dela.
    Abraços

    FLeituras

    ResponderExcluir
  10. Também não gosto quando um livro tem tudo para ser bom e o autor vai lá e estraga o potencial da história.
    Confesso que não achei muito legal a proposta desse livro e, depois da sua resenha, não vou me arriscar em ler esse livro, não.
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Olá Luna!!!
    Eu conheço acho que uma obra da autora e quando li a mesma gostei da sua escrita.
    É uma pena quando gostamos da escrita de um autor e acabamos nos deparando com um livro do mesmo que não nos agrada tanto, mas isso acontece às vezes.
    A proposta do livro é interessante uma pena mesmo não ter funcionado para você, mas quem sabe um dia eu dê uma chance ao mesmo e funciona para mim.

    lereliterario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Olá, pena que a expectativa com este livro não foi suprida, afinal tinha tudo realmente para ser bem sucedida. As vezes nos encaramos pela escrita, e quando vamos ver o enredo desanda e perde a graça. Nem vou colocar em minha meta.

    ResponderExcluir

Seus comentários são sempre bem-vindos! E são muito importantes para o blog!

Todavia, observe que:

1- comentários feitos apenas para divulgação de sorteios ou coisas parecidas não serão publicados;

2- comentários ofensivos serão excluídos.

*Se deseja entrar em contato com a administradora do blog basta mandar um e-mail para contato@emocoesaflordapele.com e eu responderei o mais rápido possível.

Topo